Florianópolis (13.03.2018) - A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) realizou na tarde desta terça-feira, 13, cerimônia de encerramento da Operação Veraneio 2017/2018. Na ocasião foram apresentados os números finais desta, que é a maior operação integrada  dos órgãos da Segurança Pública. Também foram homenageados os profissionais que se destacaram. O Secretário Alceu de Oliveira Pinto Júnior destacou a excelência dos serviços prestados pelas Instituições da Segurança Pública de Segurança e em seu pronunciamento, elencou os investimentos e os esforços feitos na distribuição dos efetivos para o litoral catarinense.

 

-  Foi um excelente trabalho desenvolvido na Operação Veraneio com redução de mortes por afogamento, indicadores de criminalidafe, como roubos e furtos,  e um trabalho integrado das forças policias que apostaram na prevenção”, disse Alceu de Oliveira. A Operação Veraneio 2017-2018 abrangeu 61 municípios, sendo 29 balneários e 32 cidades com características turísticas como estâncias hidrominerais, fronteiras, entre outros.

 

O secretário parabenizou os profissionais que atuaram na Operação pelo trabalho realizado nas praias e balneários em todo o Estado, que recebeu cerca de 2,5 milhões de turistas, nacionais e estrangeiros, na última temporada.

 

Polícia Militar

 

Em sua fala, o Sub-comandante da Polícia Militar, coronel Cláudio Klogin, no ato representando o comandante geral Carlos Alberto Araújo Gomes Júnior, destacou as 4.720 Operações Policiais Militares  executadas em diversos tipos e modalidades e que resultaram na abordagem de 122.217 veículos e 60.214 pessoas em diversas operações. O oficial também enumerou os meios especiais empregados como, por exemplo, Sistema de Consulta on Line o PMSC Mobile, através de terminais instalados em viaturas PM, permitindo acessar dados fundamentais para as ações de prevenção, manutenção e restauração do convívio pacífico e harmonioso na sociedade.

 

Destacou também os  quadriciclos que potencialiazaram a ação dos policiais militares nas faixas de areia dos balneários turísticos, helicópteros e aeronaves, sistema de captura de imagens (placas de veículos e pessoas) e as bases comunitárias móveis. A Polícia Militar investiu recursos da ordem de R$ 10.055.192,00 nas três etapas da operação.

 

 

Corpo de Bombeiros Militar

 

Já o Comandante-Geral, Coronel BM João Valério Borges, destacou o  trabalho dedicado de homens e mulheres que atuaram na operação para garantir a segurança de catarinenses e turistas. De acordo com o Coronel BM a corporação atuou em 29 balneários, seis estâncias numa extensão monitorada de 326 quilômetros. O trabalho permitiu redução no número de afogamentos com mortes, de 27 na edição passada para 14 este ano, e as ações de prevenção aos banhistas, que saltaram de 3.187.163 para 4.135.968.

O comandante fez questão de ressaltar a importância de projetos como Golfinho, que cumpriu a meta atendendo 7 mil crianças que receberam informações sobre segurança marítima, acessibilidade que propíciou a pessoa com deficiência tomar seu banho de mar com supervisão dos bombeiros e a identificação de crianças com pulseiras.  Apesar da solenidade de “encerramento”, o serviço de guarda-vidas continua a ser oferecido nas praias mais movimentadas do Litoral Catarinense até o Semana Santa.

 

 

Polícia Civil

 

Neste ano, a Polícia Civil empregou um efetivo de 1836 policiais em 36 cidades atendidas para coibir o aumento de criminalidade durante o período. Foram três períodos de convocação – do dia 22 de dezembro até o dia 28 de fevereiro.

 

O Delegado Geral, Marcos Ghizoni Jr, apontou durante a cerimônia que, além do uso cada vez mais acentuado de tecnologias avançadas durante ações no Estado, houve uma melhora nítida do atendimento ao turista estrangeiro, inclusive com integração entre embaixada, consulado e Polícia Civil. "Com a incursão de um de nossos policiais no diálogo com o turista estrangeiro, e oferecendo tratamento diferenciado com um agente bilíngue, o discurso de sociedade e segurança ultrapassa o papel. É palpável", considera o Delegado Ghizoni.

 

 

Instituto Geral de Perícias

 

O Instituto Geral de Perícias mobilizou um efetivo de 307 servidores, entre peritos e técnicos criminalísticos em oito Núcleos Regionais de Perícia no Estado. Na operação Veraneio foram expedidos mais de 2,6 mio laudos (veja quadro  abaixo).

 

 

Homenagens

 

Durante a cerimônia foram homenageados os policiais militares Soldado PM Lincoln Vieira, João Henrique Dutra e Cristiani Scheitzer Pereira, que no atendimento de furto a um veículo no bairro de Coqueiros tiveram que pular no mar para prender um adolescente que havia furtado um veículo. Foram homenageados ainda o Agente de Polícia Rodrigo Mario Firma Paz Forte, da DEIC, pelo deu trabalho de acompanhamento e tradução nos registros de ocorrência feitos por turistas estrangeiros, e o 3° Sargento BM Antônio Carlos  Vieira Cataldo, Cabo BM Wiilian dos Santos. Soldado BM Natasha de Oliveira Castro e Soldado BM Daniel Ribeira Almeida no resgate a um turista que estava se afogando na Praia Brava , em Balneário Camboriú.

GOVERNO DE SANTA CATARINA
SECRETARIA DE ESTADO DE SEGURANÇA PÚBLICA

Avenida Governador Ivo Silveira, nº  1521
Capoeiras  - Florianópolis-SC  - CEP: 88.085-000.

Atendimento ao Público: 13h às 19h.

 Fone: (48) 3665-8100 - Email: gabinetesecretario@ssp.sc.gov.br

2018 SSP/SC. Desenvolvido por DTIC - Divisão de Tecnologia da Informação e Comunicações.

Search